“O tempo que foi, foi mesmo”.

  • Não gastemos nosso tempo com futilidades navegando em coisas que não acrescentam. Perder tempo? Ele é precioso demais dentro do curto espaço que dispomos de vida (máximo nove décadas). O Atual estágio evolutivo da Humanidade e a chegada de um Novo Tempo, convocam ganhar todo tempo possível.
  • Ganhar tempo significa nos enfronhar mais e mais nas questões do Ser pensante e Imortal que é o Homem. Para isso, utilizemos todas as possibilidades e potencial que dispomos. Necessitamos saber mais, entender mais sobre as questões espirituais; não há como ignorar nossa origem espiritual. Estamos em constantes entradas e saídas dos planos, visível e invisível com uma única finalidade: desenvolver, incorporar e expandir a nossa essência rumo ao ser imortal que é o Homem. Nossa meta é a Vida Eterna.